<b>XIVCBR:</b> ranking grau 2 - entrevistas - CBA - Comissão Brasileira de Agility
XIVCBR: ranking grau 2 - entrevistas
Notícia publicada dia: 21/06/2013
Caminhos bem diferentes levaram as quatro duplas abaixo ao título. Histórias como sempre interessantes que temos a possibilidade de ajudar a contar. Nessa última reportagem sobre os campeões do XIV Campetonato Brasileiro gostaríamos de agradecer a todos os condutores que nos responderam as perguntas, possibilitando além do reconhecimento pelo título, levar a experiência de cada um aos demais praticantes do esporte.

Começando pelo Mini, onde Flavio Péris e Lilly (Schnauzer) chegaram ao título. Na temporada passada foram Campeões no Iniciante Mini. Terminam a temporada no topo das categorias. Veja abaixo como Flavio viu tudo:

CBA: como foi esse campeonato Brasileiro. Começar no grau 2 e terminar no grau 3?
Flavio Péris: Eu não esperava atingir o Grau 3 neste campeonato, sempre que mudamos de categoria a dificuldade aumenta e eu ainda estava apanhando de algumas pistas do Grau 2 (Haha). Ela me surpreendeu, e subimos para o Grau 3 em Campinas, com o combinado zerado e o braço quebrado (em uma queda!). Para mim é uma grande alegria, tanto por ter conquistado esse Grau 2 quanto por estar no Grau 3, competindo com os melhores. Com um cão adotado já adulto eu nunca esperei nada, então tudo é uma grande conquista!

CBA: O primeiro título veio temporada passada no iniciante, mudou alguma coisa no agility pra você agora?
Flavio Péris: Em termos de diversão, nada. Para ela basta uma bolinha. Agora em termos de experiência, tudo (não que agora eu seja experiente, mas eu era muito ruim!). Ela está muito mais focada, compreendendo melhor a condução e prestando mais atenção, e quanto a mim, estou mais tranquilo ao entrar em pista. O que torna tudo mais divertido. Os desafios são grandes, as pistas estão mais complicadas (ainda mais com a pista exclusiva dos Mini no G3) mas vamos fazer como sempre, e dar o nosso melhor. O aprendizado nunca acaba.

CBA: Próximos desafios no G3? E o espaço é seu pra deixar um recado, agradecimentos...
Flavio Péris: Fazer com que ela fique mais parecida com a Lilly dos treinos, onde tem muito mais confiança e velocidade. Esse primeiro ano no G3 vai ser de experiência, para melhorar a condução e ganhar segurança. Não espero nenhum resultado, apenas crescer como dupla e corrigir nossas dificuldades. Dedicação maior aos treinos e nas pistas!

Agradeço a todo mundo que torceu por nós (desde os iniciantes) pois foi muito importante! A cada conquista os amigos sempre estavam lá! Agradeço ao Dan, a toda DW, e é claro ao Tiago, que se não fosse pelo apoio, paciência - e pelas broncas! - a Lilly seria apenas um cachorrinho louco por bolinhas, e só!
...
Veio do Paraná o único campeão de fora do estado de São Paulo nesse XIV Campeonato Brasileiro. Foi Marcos Victor com Fly (Pastor de Shetland) que também venceu ano passado, mas no grau 1 o ranking do midi. Assim como Flavio e Lilly a dupla também termina a temporada no Grau 3.

CBA: Como foi ser campeão brasileiro?
Marcos Victor: Ser campeão é uma conquista que é alcançada com muito esforço e dedicação. Além disso, é preciso uma grande conexão com seu companheiro canino, que sempre retribui com muito entusiasmo e energia. A sensação de entrar em pista, ter diversão com meus cães, ter vitórias em cada etapa e ser campeão agiliteiro em cada grau é muito boa.

CBA: Você apresentou uma evolução grande nesse último ano, como foi o trabalho para chegar ao grau 3?
Marcos Victor: O grau 3 é um estágio atingido com muito treino, insistência. Então, treinar e competir com vários cães permite uma melhor compreensão e mais experiência para ser um bom praticante desse esporte, companheiro e treinador dos cães. Assim a vontade de superar seus limites, evoluir e melhorar a cada ano me move para chegar onde estou.

CBA: Planos para o Futuro? E o espaço é seu para deixar um recado.
Marcos Victor: Eu busco bons resultados, ainda mais entrosamento com meus cães e continuar praticando esse esporte.

Não posso esquecer a ajuda do campeão mundial Samir Abu Laila, cujas experiências permitem-lhe ser um grande instrutor e professor de agility, e meus pais, que investiram muito para eu chegar até aqui.
...
Haroldo e Enzo (Border Collie) velhos conhecidos da turma do agility conquistaram o seu primeiro título nacional no XIV Campeonato Brasileiro. Abaixo Haroldo fala sobre a adaptação ao Enzo, que foi treinado por sua mulher Luciana, nem sempre é fácil, mesmo para os mais experientes.

CBA: Você fez um campeonato de regularidade, marcando pontos em todas as provas. Esperava sr campeão? Quando foi que caiu a ficha que poderia chegar ao título?
Haroldo: O meu maior objetivo, quando iniciou o XIV Camp. Brasileiro, era chegar ao título de campeão Brasileiro com o Enzo, então treinei e batalhei muito para que essa meta fosse alcançada, percebi que seria possível após a 7ª e 8ª etapa realizadas em Campinas, pois pontuamos muito bem, então eu precisava estar bem concentrado nas duas últimas etapas para administrar o resultado e então chegar ao título inédito tanto para mim quanto para o Enzo.

CBA: O Enzo nas suas origens sempre foi conduzido pela Luciana, quais as dificuldades que você encontra ao conduzi-lo?
Haroldo: Foi um grande desafio e confesso ter sido bem complicado no começo porque precisei me adaptar ao tempo do Enzo e ele entender a minha condução, que é totalmente diferente da condução da Luciana, então demoramos um tempo para entrarmos em sintonia e hoje considero que eu e Enzo formamos uma dupla.

CBA: O espaço é seu para deixar um recado, agradecer ou desabafar (risos):
Haroldo: Quero agradecer ao meu treinador Tiago que me treinou e ajudou, ao meu amigo Dan que me apoiou, a minha esposa Luciana que esteve o tempo todo ao meu lado incentivando e torcendo muito por nós e principalmente ao Enzo, esse cão espetacular que realizou um grande sonho meu.

...
Mais um cão que conseguiu sair das ruas e veio parar no agility para ser campeão. Esse é Cookie, conduzido por Daniel Nakamura (SRD). Com apenas duas temporadas chega ao quinto título dentro do esporte. Veja a entrevista com Daniel abaixo:

CBA: Quinto título do cookie, quando começou a competir achava que seria assim?
Daniel: Claro que não! Quem viu a gente começando a competir sabe do que eu estou falando…rs. Na verdade tinha dúvidas se conseguiria fazer uma pista inteira em alguma prova e nem sonhava com título nenhum. 

Mas, aí o Cookie foi melhorando, parando de dar perdidos, fazendo boas pistas apesar dos perdidos, e deu no que deu. Quando adotei o Cookie, nem fazia idéia do que era o agility e, quando comecei a treinar, o objetivo era apenas o de oferecer uma atividade física saudável para ele. No começo, tinha dúvidas se ele realmente gostava de fazer as pistas, hoje tenho certeza que ele odeia…rs, brincadeira, ele curte de montão! E o mais importante, fundamental, é praticar independente de títulos e campeonatos.

CBA: Quando você começou os QRMBC eram raros, agora temos 8 pontuando no grau 2, como vê o futuro da categoria?
Daniel: Eu acho muito bacana ver um monte de QRs no G2. Eu comecei o campeonato sozinho e a galera foi subindo, subindo, e agora são 8. A próxima temporada será mais bacana, mais disputada e isso é muito bom! Eu acho interessante para o público que vai às provas, ver que o esporte não é exclusivo de Shelties e Borders e que qualquer cão pode praticar.

O futuro da categoria QRMBC depende de novas duplas surgirem para engrossar o caldo e manter a coisa sempre ativa . Aliás, acho que o grande desafio dos QRs será ser competitivo mesmo entre os borders.

CBA: Quais os próximos passos da dupla?
Daniel: Bom, temos muito o que treinar e aprender ainda. Começamos bem o campeonato, mas tivemos uma queda de rendimento sensível, principalmente nas últimas provas.
Estou aprendendo muito com o Tiago, que é um técnico excelente, e tem dado certo nos treinos. E é isso, focar nos treinos e tentar melhorar nas provas, na medida do possível. Não tenho a menor pretensão de passar para o G3, nem o Cookie...rs.

...

Parabéns para as duplas!

CBA


Central de Carteiras
Últimas Solicitações
Renovação de Carteira
Novas Carteiras
Buscar uma Carteira
Noticias