<b>Raça do Mês:</b> Pastor de Shetland - CBA - Comissão Brasileira de Agility
Raça do Mês: Pastor de Shetland
Notícia publicada dia: 30/10/2007
Para quem conhece o Agility, sabe o quão cedo o trabalho começa. Embora muitos tenham começados com seus cães de estimação, um cão que foi selecionado para isso, tanto em temperamento, quanto estrutura e tamanho, facilita muito o trabalho para um cão altamente competitivo. Alguns criadores já começam a selecionar os melhores cães para o Agility, e é isso que vamos procurar agora: mostrar algumas raças que começam a ser selecionadas para esse fim.

Para iniciar, a raça do mês de Novembro é o Pastor de Shetland, também conhecido como Sheltie. Tive o grande prazer de conversar com a criadora brasileira Cristiane Nanô, do Canil Von Kempten, e com a criadora inglesa Bernadette Bay, do Canil O´Bay Shelties. Bernadette Bay também é condutora e esteve no Mundial de Agility desse ano, na Noruega, conseguindo bons resultados, entre eles o 2º lugar no Time Midi. Depois dessas pequenas apresentações, vamos as perguntas!

CBA - Como você conheceu o Pastor de Shetland?

Bernadette Bay - Eu vi meu primeiro Sheltie quando eu estava na faculdade e me apaixonei com a sua beleza. Assim que sai de casa depois da Faculdade eu comprei meu primeiro Sheltie (em 1988). Minha primeira sheltie era uma cadela de obediência e recebeu muitos títulos de obediência de alto nível. Treino de obediência foi meu primeiro amor. Eu não me envolvia com agility até 1996.

Cristiane Nanô - Quando criança, aos 9 anos, numa exposição canina, conheci a Dona Virgínia, do Canil Avis que já criava a raça, juntamente com lindos Collies.
 

CBA - Há quanto tempo você cria a raça?

Bernadette Bay - Minha primeira ninhada nasceu em 1992.  Eu tive sorte de ter a ajuda de alguns experientes criadores de Sheltie para me ajudar a aprender como criar cães com a estrutura adequada, temperamento e saúde. Mas ainda depois de 16 anos eu sinto que ainda estou aprendendo.

Cristiane Nanô - Crio desde 1997, sou proprietária desde 1994.
 

CBA - Quantos cães da sua criação você acredita que praticam Agility hoje?

Bernadette Bay - Eu só tive 8 ninhadas até hoje começando em 1992. Então eu não crio muito freqüentemente! Nas primeiras ninhadas, a maioria dos filhotes foram para Obediência ou para Pet. Recentemente, como mais pessoas veem meus cães no Agility, eu venho recebendo mais pedidos de cães de Agility. Apesar de estar orgulhosa dos meus cães no Agility, eu quero que meus filhotes vão para casas que gostarão deles primeiramente e principalmente como um SHELTIE. Eu não quero donos que querem um cão só para ter êxito no Agility. Eu sou uma criadora de Shelties, NÃO uma criadora de cães de Agility.

Eu acredito que, hoje em dia, existem 11 Shelties do Canil OBay praticando agility ou competições de Obediência.

Cristiane Nanô - 3 cães, sendo eles: Skipper, Blanka e o Dylan, do Aurélio, que creio estar começando.
 

CBA - O que você procura no Pastor de Shetland de Agility?

Bernadette Bay - Eu procuro  por um cão que ama brincar. Eu encorajo meus filhotes desde o dia que eles estão de pé e andando para que interajam comigo e brincar e fazer cabo de guerra. Eu também quero um filhote que tenha a estrutura para correr e saltar bem, não um que está constantemente se machucando. Mas principalmente, quero um cão que seja divertido viver com ele, um cão que me faça sorrir todos os dias com as palhaçadas dos Shelties.

Cristiane Nanô - Um cão dentro dos padrões da raça em termos de altura, pelagem, estrutura, porém com um pouco mais de energia e curiosidade do que a maioria.
 

CBA - Para a Bernadette Bay: Você acabou de voltar do Mundial de Agility desse ano, em que você conduziu Zen, seu Pastor de Shetland, e conseguiu excelentes resultados. 3º cão mais rápido do Agility por Times e 2º no Jumping, 3º mais rápido no Agility Midi individual, a melhor dupla no Time Midi entre todas as seleções(não cometendo nenhuma falta e fazendo o melhor tempo combinado) e além de tudo, a Inglaterra conseguiu o 2º lugar no Time Midi. Você ainda viu 2 outros cães de sua criação conseguindo excelentes resultados. Como você se sente com isso?

Bernadette Bay> - Eu estou muito orgulhosa de todos os meus filhotes! Todos os 3 Shelties OBay tiveram excelentes desempenhos no Mundial desse ano. Zerando os percursos ou não, eles deram tudo de si e você pôde ver a felicidade nas faces deles enquanto eles corriam! Seus donos deram a eles o treino necessário, eu dei apenas o ``material cru´´ para começar! Todos os 3 filhotes no Mundial desse ano nasceram da mesma mãe (American Champion Linden ‘Tis True) que transmitiu a eles sua maravilhosa estrutura e temperamento. A mãe deles, “True” era uma cadela de exposição e hoje é uma linda ``aposentada´´!

Ambos os donos dos cães desse Mundial compraram filhotes de mim antes que eu fosse famosa pelos meus cães de Agility! Eles não tiveram expectativas maiores do que conseguir um Sheltie legal para trabalhar. Eles deram o melhor no treinamento e eu sou muito grata que eles estão gostando de seus Shelties OBay! Eu amo ver as pessoas felizes com seus cães e assim eu me sinto com a missão cumprida.
 

CBA - Para a Cristiane Nanô: O Mundial de Agility desse ano acabou e 2 shelties de sua criação representaram (e bem) o Brasil: Blanka e Skipper. Agora, no Brasil, terminou a Copa CBA e novamente esses dois cães conseguiram bons resultados. Paulo e Blanka vão para o Américas e Caribe 2008, que acontecerá na Argentina, e tanto ele quanto Alex e Skipper estão classificados para a pré-seleção brasileira, uma seleção que treinará com todos juntos e os melhores se classificarão para o Mundial do ano que vem. Como você se sente com esses resultados? No que você considera que ajudou para que isso acontecesse?

Cristiane Nanô - Fiquei extremamente orgulhosa, especialmente porque sei que além de bons atletas que são, eles são extrememente felizes, amados e bem cuidados pelos seus proprietários.

No que eu ajudei, acho que foi fazendo uma venda honesta, de acordo com o que me pediram na época, em termos de tamanho, de comportamento, temperamento, etc. Acho que vendi cães certos e aptos para as pessoas certas, que os treinaram e obtiveram sucesso.
 

CBA - Depois do Mundial desse ano, quais são as suas expectativas para a sua criação?

Bernadette Bay - Eu não espero nada de diferente! Alguns de meus filhotes se sairão muito bem e alguns podem não se sair tão bem! Infelizmente criação não é uma ciência exata e eu aprendo algo novo com cada ninhada que nasce. Eu estou trabalhando agora na segunda geração vindo da True e espero que os netos dela tenham os mesmos excelentes atributos que os filhos dela.

Cristiane Nanô - Continuo me focando principalmente no fator conformação, mas me animei demais com os resultados e certamente vou analisar as minhas ninhadas de uma forma crítica também para os filhotes aptos ao esporte.
 

CBA - O que você acredita que aqueles que querem um Pastor de Shetland precisam saber sobre a raça?

Bernadette Bay - Shelties podem ser cães engraçadinhos cheios de peculiaridades! Eles são muito sensíveis e podem facilmente ficar tímidos se os donos não trabalharem arduamente com socialização desde o primeiro dia. Eles não podem ser forçados a fazer nada, você precisa fazer com que AMEM trabalhar com você. Ajuda se você começar com um bom fundamento, aproveite o tempo trabalhando com motivação enquanto o cão é jovem. Uma vez que você tem um cão motivado para trabalhar com você, o resto é fácil.

Shelties amam latir! Se você odeia cães que latem muito, NÃO PEGUE UM SHELTIE! Shelties precisam de muito grooming, então se você comprar um Sheltie aprenda a faze-lo. Shelties não são Border Collies miniaturas, pegue um Sheltie se você ama a raça mas não espere que eles sejam algo que eles não são.

Fale honestamente com o criador sobre suas expectativas. Nenhum criador quer dar um cão para alguém que não estará satisfeito com ele.

Cristiane Nanô - É um cão sensacional, inteligente, obediente, porém nem todos têm o temperamento e ``vontade´´ ideal para o esporte. Convém a aplicação de testes, bolinha, barulhos, dominância perante os irmãos, etc. Ou seja, o acompanhamento da ninhada desde os 25 dias, mais ou menos, até a decisão do cão certo a ser escolhido (60 dias de vida aproximadamente).

Gostaria de agradecer, tanto a Cristiane quanto a Bernadette, por responder as perguntas tão prontamente. Para quem quiser conhecer mais o trabalho do Canil Von Kempten, da Cristiane, basta visitar o site www.sheltie.com.br. Para quem quiser conhecer o canil O´Bay Shelties, visite o site www.geocities.com/obayshelties.

Renan Campos


Central de Carteiras
Últimas Solicitações
Renovação de Carteira
Novas Carteiras
Buscar uma Carteira
Noticias