<b>Agility no Mato Grosso</b> - CBA - Comissão Brasileira de Agility
Agility no Mato Grosso
Notícia publicada dia: 03/02/2009
Entre as duplas inscritas para o evento do Américas & Caribe, estão presentes duas duplas do Estado do Mato Grosso: Eduardo e Jack, competindo na Copa Sérgio de Castro no Grau 1; e Isabela, de apenas 10 anos que competirá no Iniciante com seu Border Collie Bud.

Conversamos com a Fabíola e ela nos contou um pouco sobre o início do Agility no Mato Grosso e como o Agility anda lá agora.

“O Eduardo, que já era criador de cães desde os anos 90 de várias raças, fazia cursos de adestramento no A.C em SP com o Ale e a Cris, e com o DR Dimas Meinerz, um veterinário excelente e especialista em comportamento animal e genético, criador de várias raças, foi por causa deles que começamos o Agility em 2004/2005.

Quem nos apresentou o Agility pela primeira vez foi o Dimas, que nos vendeu nossas primeiras Borders, então treinávamos nossos bichos em casa, na pista que tínhamos construído junto com o Dimas.

O Eduardo e o Dimas formaram uma equipe de adestramento e agility. O Dimas cuidava das questões comportamentais e de saúde animal, o Eduardo os outros tipos de adestramento e eu na época auxiliava o Edu. Começaram fazendo apresentações em eventos com Show Dog, montavam a pista de Agility nos eventos para fazerem apresentações e divulgarem o esporte, porque aqui no norte do estado ninguém conhecia.

Daí em diante começamos cada vez mais a nos profissionalizarmos, eu comecei a fazer cursos com os dois, a estudar muito sobre o assunto, fomos várias vezes para São Paulo e outros grandes centros para nos reciclarmos. Mas o A.C. foi quem nos adotou. Aprendemos muito de Schutzhund com o Ale, cursos de agility e Clicker com a Cris, etc.

Mas hoje somos o que somos mesmo graças ao Dimas, que sempre acreditou no nosso potencial, quem nos ensinou muita coisa que sabemos e quem nos acode até hoje.

No início fazíamos o adestramento somente nas residências, desde 2007 construímos um espaço para o adestramento, com pista de Agility, onde esta é toda nos padrões oficiais.

Hoje em dia o Agility é o nosso carro chefe, pois muitos problemas disciplinares e comportamentais melhoram muito com a prática do esporte, pois, além do animal estar fazendo uma atividade cardiovascular com o dono, ele fica muito mais focado, estimula a inteligência e coordenação motora, o cão se torna mais parceiro, obediente e sem dúvida muito mais feliz. O único problema é que vicia, você não quer mais parar de fazer, nem você nem seu cão. Temos alunos, principalmente as crianças que choram o dia que não podem vir à aula.

A Hiller Canil e Educação Canina é um centro de adestramento que atua nas áreas:

- Agility
- Guarda e Proteção Pessoal
- Obediência Básica e Avançada
- Pastoreio
- Problemas Disciplinares e Comportamentais
- Show Dog

É Canil das Raças: Border Collie e Pastor de Shetland.

Hotel Spa com trilhas de caminhada na mata.

Estamos treinando bastante para o A&C para fazer bonito por lá, é o que esperamos, até porque esse será nosso primeiro evento oficial.

Há um ano e meio nossa aluna Isabela Huck, de dez anos de idade, se encantou com o Agility e comprou um filhote de Border nosso e daí para cá nós viemos treinando-os forte. Acredito que a Isa vai deixar muito marmanjo preocupado no nível iniciante.

O Jack volta às pistas com o Edu, e em breve para as próximas provas da CBA eu e a Kenna, uma Border Collie de três anos e meio e eu e Tokka, uma filhote de Sheltie que comprei do Paulo Prado, que se puxar ao ex-dono vai repetir a herança de família e ser Campeã mundial. (risos)”

Fabíola Pereira
*Introdução: Renan Campos
renan@agilitybr.com.br

Central de Carteiras
Últimas Solicitações
Renovação de Carteira
Novas Carteiras
Buscar uma Carteira
Noticias